Blog PELEJAS
em 02/03/2011


Cerro

Ao longo de suas 33 participações o Cerro Porteño  foi eliminado ainda na primeira fase, em mais da metade das vezes, ao todo em 17 oportunidades. Sendo que em 2008, sequer da fase preliminar passou. Desde 1999, quando chegou às semifinais, o Cerro teve 8 participações com campanhas bastante discretas. Além disso, o Cerro jamais chegou a uma final.

O melhor que conseguiu foi chegar às semifinais, o que aconteceu por 5 vezes. Em 1973, após eliminar o Olímpia, Sporting Cristal e Universitário, foi eliminado pelo Colo Colo.

Já em 1978 foi eliminado pelo Deportivo Cali. Em 1993 foi eliminado pelo São Paulo, que seria o campeão daquele ano, aliás, esta foi a única vez que a equipe paraguaia foi eliminada nas semifinais pela equipe que conquistaria o título. Por fim, em duas edições consecutivas, em 1998 e 1999, o Cerro Porteño chegou às semifinais, sendo eliminado pelo Barcelona de Guayaquil e Deportivo Cali respectivamente, ambos não conquistaram o título. Jogou 249 partidas, venceu 91, empatou 72 e perdeu 86. Marcou 332 gols e sofreu 328.

33 edições disputadas

- 1962: 8° colocado (10 equipes participantes)
- 1964: 7° colocado (11 equipes participantes)
- 1967: 14° colocado (19 equipes participantes)
- 1969: 5° colocado (17 equipes participantes)
- 1971: 12° colocado (21 equipes participantes)
- 1972: 13° colocado (20 equipes participantes)
- 1973: 4° colocado (19 equipes participantes)
- 1974: 10° colocado (21 equipes participantes)
- 1975: 21° colocado (21 equipes participantes)
- 1978: 5° colocado (21 equipes participantes)
- 1980: 12° colocado (21 equipes participantes)
- 1981: 15° colocado (21 equipes participantes)
- 1985: 9° colocado (21 equipes participantes)
- 1988: 13° colocado (21 equipes participantes)
- 1990: 12° colocado (19 equipes participantes)
- 1991: 7° colocado (21 equipes participantes)
- 1992: 6° colocado (21 equipes participantes)
- 1993: 4° colocado (21 equipes participantes)
- 1994: 20° colocado (21 equipes participantes)
- 1995: 9° colocado (21 equipes participantes)
- 1996: 10° colocado (21 equipes participantes)
- 1997: 17° colocado (21 equipes participantes)
- 1998: 4° colocado (23 equipes participantes)
- 1999: 4° colocado (23 equipes participantes)
- 2000: 16° colocado (34 equipes participantes)
- 2001: 9° colocado (34 equipes participantes)
- 2002: 17° colocado (34 equipes participantes)
- 2003: 14° colocado (34 equipes participantes)
- 2005: 9° colocado (38 equipes participantes)
- 2006: 20° colocado (38 equipes participantes)
- 2007: 25° colocado (38 equipes participantes)
- 2008: 38° colocado (38 equipes participantes)
- 2010: 31° colocado (40 equipes participantes)

por: José Renato - Equipe PELEJAS

em 28/02/2011

Choque rei

O Clássico Choque-Rei, nome dado pelo jornalista Thomaz Mazzoni, já foi disputado 291 vezes. Até o momento o São Paulo leva uma pequena vantagem com 103 vitórias, apenas 9 a mais que o Palmeiras, sendo 94 empates. O São Paulo marcou 387 gols e o Palmeiras 373.
Dentre estes jogos algumas goleadas aconteceram, das quais relembraremos duas delas:

1981, o Palmeiras estava no meio de uma grande crise e tinha disputado no primeiro semestre a Taça de Prata, a segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

Já o São Paulo, que era o atual campeão paulista, estava com a força total e estava formando o time que seria bicampeão paulista, resultado, o São Paulo aplicou uma incrível goleada sobre o Palmeiras...foi um verdadeiro show tricolor, uma peleja para não se esquecer!!!

Eis a ficha técnica:
Data: 4 de outubro de 1981
São Paulo 6 x 2  Palmeiras
Local: Morumbi
Público: 31.799
Árbitro: Oscar Scolfaro

Gols: Everton aos 26’ e Aírton (contra) aos 39’ do Primeiro Tempo; Mário Sérgio aos 13’, Renato aos 15’, Serginho aos 20’, Paulo César aos 22’, Mário Sérgio aos 24’ e Enéas aos 32 do Segundo Tempo.

São Paulo: Waldir Peres, Getúlio, Oscar, Gassem e Aírton; Almir, Renato e Everton; Paulo César, Serginho, depois Tatu, e Mário Sérgio. Técnico: Formiga

Palmeiras: Gilmar, Benazzi, depois Jaime Boni, Luís Pereira, Deda e Pedrinho; Vítor Hugo, Célio e Aragonés, depois Esquerdinho; Reginaldo, Enéas e Marquinho.

Técnico: Jorge Vieira.

Mais de 10 anos depois o São Paulo era o atual campeão brasileiro e estava formando a equipe que conquistaria o seu primeiro título mundial. O verdão vivia o começo da era Parmalat e não teve pena do Tricolor ao aplicar um incrível e na época, surpreendente 4 a 0.

Eis a ficha técnica:
Data: 8 de março de 1992
Palmeiras 4 x 0 São Paulo
Local: Morumbi
Público: 20.947
Árbitro: Oscar Roberto Godoy

Gols: Evair aos 23’, Andrei aos 27’ e Edu Marangon aos 34’ do Primeiro Tempo; Evair aos 12 do Segundo Tempo.

Palmeiras: Carlos, Marques, Tonhão, Andrei e Dida; César Sampaio, Daniel Frasson, Luís Henrique e Edu Marangon; Jorginho e Evair, depois Amaral. Técnico: Nelsinho Baptista

São Paulo: Zetti, Cafu, Antônio Carlos, Ronaldo e Nelsinho; Sidnei, Palhinha e Raí; Macedo, depois Cate, Gilmar, depois Suélio, e Elivélton. Técnico: Telê Santana

Confira todas as fichas técnicas de São Paulo x Palmeiras

por: José Renato - Equipe PELEJAS

em 23/02/2011


Flu

Entre as equipes brasileiras que participam desta edição da Taça Libertadores, o Fluminense é o único que ainda não foi campeão. Em toda história o Fluminense apenas participou de três edições. Em 1971 e 1985, a equipe carioca foi eliminada ainda na primeira fase.

Em 1971, o Fluminense participou de um grupo com o Palmeiras e as equipes venezuelanas do Deportivo Itália e Deportiva Galícia. Após 4 vitórias nas 4 primeiras rodadas, a equipe carioca foi surpreendida, em pleno Maracanã, para o Deportivo Itália, por 1 a 0, a mesma equipe que havia sido goleada por 6 a 0 em Caracas pelo Tricolor. Este resultado foi tão desolador que uma semana depois, uma nova derrota, também no Maracanã, desta vez para o Palmeiras, por 3 a 1, definiu sua eliminação.

Já em 1985, em seis partidas disputadas, o Fluminense não venceu uma sequer, foram 3 empates e 3 derrotas, e só não ficou na lanterna do seu grupo, pois o outro representante brasileiro, o Vasco da Gama fez uma campanha ainda pior. Em tempo a vaga foi conquistada pelos Argentinos Juniors que seria, posteriormente, o campeão daquela edição.

Em 2008, o Tricolor fez uma campanha invejável, chegando a eliminar o São Paulo, em partida dramática, nas quartas de finais, e o Boca Juniors, pelas Semifinais. Na final, acabou caindo frente a LDU do Equador e ficou com o vice campeonato. Foram 26 partidas disputadas, 13 vitórias, 5 empates e 8 derrotas. Marcou 46 gols e sofreu 26.

3 edições disputadas:
- 1971: 7° colocado (21 equipes participantes)
- 1985: 17° colocado (21 equipes participantes)
- 2008: vice-campeão (38 equipes participantes)

por: José Renato - Equipe PELEJAS

em 21/02/2011

Evair

Hoje faz aniversário um dos maiores atacantes do futebol brasileiro, Evair. Ele nasceu em 21 de fevereiro de 1965. Surgiu no Guarani quando foi vice-campeão brasileiro de 1986, vice-artilheiro do brasileirão.

De Campinas, partiu para Bérgamo na Itália, onde jogou pelo Atalanta. Voltou ao Brasil em 1991 onde fez história no Palmeiras, e conquistou as pelejas dos campeonatos paulistas e os brasileiros de 1993 e 1994. Foi um dos grandes injustiçados pela não convocação para participar da Copa do Mundo de 1994.

Foi para o Japão, jogar no Yokohama Flugels e quando todos pensavam que ele se encaminhava para um fim de carreira, voltou ao Brasil. Foi campeão brasileiro em 1997 pelo Vasco da Gama, da Libertadores em 1999 pelo Palmeiras e campeão paulista pelo São Paulo em 2000.

por: José Renato Sátiro Santiago Junior/Equipe Pelejas

em 15/02/2011

O Pelejas.com tem como missão eternizar e preservar a memória do futebol e quer que você também eternize esses momentos participando da promoção pelejas.com que vai sortear uma camisa da seleção brasileira.

Para participar da promoção pelejas.com camisa do coração é muito fácil. Veja o regulamento e não fique fora!

promoçao

 

   1.Esta promoção destina-se somente a pessoas físicas residentes e domiciliadas no território brasileiro.


2. Fica terminantemente proibida a participação de funcionários da empresa organizadora, AP1! Comunicação LTDA assim como a empresa patrocinadora da promoção Pelejas.com.


3. Para participar da promoção é obrigatório seguir o @pelejas no twitter e dar RT na mensagem-Eu quero a camisa da Seleção Brasileira do @Pelejas http://migre.me/3SEzT, no período da promoção que é de 15 de fevereiro de 2011 a 31 de Março de 2011.

 

   4. O sorteio será realizado online no dia 01 de abril de 2011 entre 15h e 16h via twitcam com a utilização da conta do twitter @pelejas através do sortei-me.

   5. A verificação do ganhador será feita online em tempo real com a utilização do site twitcam através da conta do twitter @pelejas, sendo de caráter irrevogável e inquestionável, não cabendo recurso a qualquer tempo e de qualquer espécie.

 

   6. Se por problemas de quaisquer natureza não houver o sorteio, será utilizado um sistema próprio de verificação, sendo de caráter irrevogável e inquestionável, não cabendo recurso a qualquer tempo e de qualquer espécie.

 

   7. O ganhador será avisado por e-mail que deverá, no prazo de cinco dias, encaminhar o endereço completo para que seja enviado o brinde (uma camisa da seleção brasileira).

 

   8. O brinde será enviado via correio em até 30 dias a partir da confirmação do endereço do ganhador.

 

   9. Caso o ganhador não envie os dados, um novo sorteio será agendado dentro de cinco dias.

 

  10. A divulgação do vencedor será feita no dia 01 de abril de 2011, no pelejas.com (http://www.pelejas.com), e no Twitter da @pelejas (http://twitter.com/pelejas).

 

  11. Não terão validades dos participantes que não se tornarem seguidores do @pelejas.

 

  12. O prêmio não poderá, em hipótese alguma, ser trocado por dinheiro ou por qualquer outro produto.

 

  13. A participação nesta promoção implica na aceitação irrestrita da utilização de nome, som de voz e/ou imagem dos vencedores, para, se a empresa organizadora assim o desejar, fazer a divulgação, em qualquer espécie de mídia, do resultado da promoção, sem que isso gere qualquer ônus para esta ou para a empresa.

 

  14. Eventuais questões omissas serão resolvidas a exclusivo critério da empresa organizadora. 

por: Equipe Pelejas

Exibindo posts 105 a 110 (total de 122)
Páginas:
001  002  003  004  005  006  007  008  009  010  011  012  013  014  015  016  017  018  019  020  021  022  023  024  025  
Enquete PELEJAS
Quem será o campeão paulista de 2017?

Corinthians
Ponte Preta
Destaques
02/12/2016
31/10/2016
23/10/2016
22/12/2015
24/11/2014
Arquivo de Posts

Amigos do PELEJAS



@Pelejas
  • Rio-São Paulo do PELEJAS: Palmeiras campeão, Corinthians vice. https://t.co/13B8dBatpO em 22.12.2015 16:39
  • O Rio-São Paulo do PELEJAS (atualização até a 16a. rodada): http://t.co/2Dd58GcNES http://t.co/qzwyeJjjtH em 5.8.2015 09:40
  • O Rio-São Paulo do PELEJAS (atualização até a 10a. rodada): http://t.co/ncHaUUzAxs em 3.7.2015 12:02
Pelejas nas redes sociais
Blog Pelejas Dihitt Pelejas Facebook Pelejas Nossa comunidade no Orkut Aconpanhe nosso RSS/Feed